Histórico


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 DIEGO JANATÃ - INDIOS E MAIS...
 ADEMIR BACCA
 ARTE E CERAMICA
 ARTUR GOMES
 ANAND RAO
 CLAUKY SABA
 ARTUR GOMES
 MOVIMENTO INVERSO
 DIVINO PINTOR - SABA
 CHICO CRUZ
 ZECA TOCANTINS
 MANOELA AFONSO
 JIDDU - MIMICA
 SANTA CRUZ DE GOIAS
 BIBLIOTECA NACIONAL
 BIBLIOTECA DEMONSTRATIVA
 PROYECTO SUR
 JORNAL DE POESIA
 TEATRO BRASILEIRO
 D.TETÉ
 CACURIA
 RODOLFO MUANIS
 FUNARTE
 FOLCLORE
 NINHO DE POESIA
 POEMAS E CANÇOES
 BALAIO
 BLOG DA MARILIA
 OCUPARTE
 BLOG DO CARLIM
 MARCOS FRANCO
 CASA DAS ARTES
 ELSON ARAUJO
 XICO CRUZ
 MARCELO MONTENEGRO
 MARCELO MONTENEGRO
 JOAO PAULO CUENCA
 JOAO PAULO CUENCA
 ED WILSON
 JOSUE MOURA
 UMBIGO DE EROS
 VANUSA BABAÇU
 BABAÇU


 
.




Escrito por lilia diniz às 00h43
[] [envie esta mensagem] []



 

Catando bascui

 

Habita em mim

a singela casa

da minha infância

 

Na fartura do quintal

o limoeiro traquino

florido sempre

adoçando meus ouvidos

com os cantares diários

do passaredo em festança

 

O velho sabugueiro

perfuma abril em flores

curando febres

estouradas em cataporas

e alucinações

em labaredas

 

O telhado de cavacos

pesa sobre o tempo

que insiste não passar

 

Lamparinas atrepadas

nas paredes de taipa

incandeiam a imensidão

dos meus olhos meninos

 

Sala

quarto

cozinha

abrigam o quase nada de mim

 

Mas é lá no terreiro

barrido todo amanhecer

pelas cuidadosas mãos de meu pai

que brinco de catar

restos de sonhos e lembranças



Escrito por lilia diniz às 00h42
[] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]